Aladdin – MFC Resenha 11

 

Aladdin

 

MFC Resenha

 


 

Aladdin (2019) é uma adaptação do filme animado de mesmo nome, originalmente lançado em 1992, no qual foi inspirado pela lenda de As Mil e Uma Noites e no filme O Ladrão de Bagdá.

 

Dirigido por Guy Ritchie e com performances de Mena Massoud, Naomi Scott e Will Smith, o filme conta a história de um jovem chamado Aladdin, que encontra a lâmpada mágica de um gênio que lhe promete cumprir três desejos.

 

Como de costume nos remakes da Disney, é difícil encontrar detalhes que fazem os filmes live-action se destacarem dos filmes animados. Neste caso, a adaptação de Aladdin teve que encontrar alguma maneira para ter uma duração maior que o original de 90 minutos e, para isso, incluiu várias cenas sem muito significado relevante para a história.

 

 

Veja o que pensamos dos remakes da Disney aqui

 

 

Um dos itens mais criticados no filme foi a recriação do gênio, interpretado por Will Smith. No entanto, sua performance foi uma das coisas que fez o filme ser mais dinâmico e divertido. Com interpretações medianas, a trilha sonora é o ponto mais forte do filme, embora seja a mesma do original, com exceção de algumas adaptações e algumas músicas novas.

 

Apesar de Aladdin se esforçar para ter um novo ponto de vista da história, o filme se tornou apenas uma nova forma de introduzir a animação de 1992 para as últimas gerações. Esperamos que a Disney tenha resultados melhores nas suas próximas adaptações como em Dumbo (2019), dirigida pelo Tim Burton.

 

 

Desfrute da nossa resenha do Dumbo (2019) aqui